Sábado

18.NOV

BOM DIA



membro da SPV - Marie Damour - Ser mãe
Quantos sonhos acalentei, quantos meses esperei, com o corpo que se transforma, vem o enjôo que não demora. quanto medo e angústia, quanta estória de mãe mal contada. O peito que preparei, o amamentar que idealizei, o sofrimento da dor e do não saber. Como chorei, como senti, a depressão que chegou. A culpa de não corresponder aos sonhos que acalentei. (junho/08)

WAD