Sábado

18.NOV

BOA TARDE



membro da SPV - Lilith
Delírios de amor, delírios de amantes, camas, corpos, beijos, bocas... êxtase. Amor e paixão fundidos em 2 corpos que entrelaçam sentimentos, cores, formas, flores, vivendo cada momento como único, como último. É como se a continuidade da vida dependesse desses corpos apaixonados. Início, meio, fim. Morte e renascimento a cada instante. Em cada alvo a certeza incontida do recomeço. E aí tudo acontece... numa interminável repetição de fatos e atos indecifráveis pelos personagens desse teatro particular.

WAD